terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Entrevista Cosplayer: Bruno Lorandi Pagno

Nome: Bruno Lorandi Pagno
Idade: 22
Cidade/Estado: Caxias do Sul/RS
Um filme: Sempre ao seu lado
Uma banda: (compositor) Nobuo Uematsu
Uma musica: Tema de Metal Gear Solid II
Qualidade: Criativo
Defeito: Me irrito fácil

Uma frase: "There are no heroes in war"

Um pouco sobre você.
Eu sou o Bruno. Estudo Ciência da Computação na Universidade de Caxias do Sul, e pretendo me formar nos próximos semestres. Sou programador e trabalho por conta fazendo freelance e alguns projetos próprios. Adoro video games e sempre gostei de brincar de ator. Sou cosplayer.

Angel: Quando você começou a fazer cosplay? E como você se sentiu quando foi de cosplay ao evento?
Bruno: Comecei a fazer cosplay no início de 2009 por causa da influência da minha irmã mais nova. Eu já tinha ido em um evento de anime, antes, mas não tinha nem gostado muito. Quando a Anne começou a fazer cosplay e me convenceu a fazer também que eu descobri como os eventos podiam ser legais. A primeira vez que eu usei cosplay num evento foi fantástica. As pessoas me chamavam pelo nome do personagem, e isso, pra mim, foi a melhor coisa.

Angel:  O que é importante em um personagem para que você decida fazer o cosplay?
Bruno: Acho que é meio natural dizer que eu preciso gostar do personagem. A roupa dele também precisa estar dentro dos limites de "fazível". Semelhança física, também é importante, mas acima de tudo é a personalidade do personagem. A parte mais legal do cosplay, pra mim, é a interpretação, então tem que ser um personagem legal de "ser", hehe.

Angel: Qual o seu cosplay favorito até hoje?
Bruno: Prefiro dizer que o personagem que eu mais gostei de interpretar até hoje foi o Squall de Final Fantasy VIII. Fiz vários cosplays das diferentes roupas do personagem, e todas elas eu fiquei satisfeito com o resultado, especialmente nas apresentações.

Angel: Você costura todas as suas roupas?
Bruno: Não costuro e nem quero costurar. Admito que eu poderia ser mais perfeccionista se costurasse, mas eu realmente não sou tão apegado à confecção do cosplay, haha. Mas conheço ótimas costureiras que fazem esse trabalho por mim =D.

Angel: Desde quando você gosta de Anime/Mangá?
Bruno: Eu assistia Cavaleiros do Zodiaco quando era pequeno. Mas nunca fui muito ligado em Anime/Mangá. Eu gosto muito mais de games.


Angel: Qual foi seu Primeiro Anime e qual seu preferido?E Mangá qual foi o primeiro que você leu e o seu preferido?
Bruno: Primeiro anime que eu vi, como eu disse, foi Cavaleiros do Zodíaco, mas sinceramente não lembro mais de nada. Faz MUITO tempo, hehe. Meu anime favorito é Full Metal Alchemist. Vi há alguns anos e ainda me emociono com a história. O primeiro mangá que eu li é também o meu favorito, que é Love Hina. Gostei um monte da história.

Angel: Você tem algum cosplay em mente que você possa nos contar?
Bruno: Provavelmente Squall do Dissidia Duodecim =D. Mas ainda não sei quando nem se vai mesmo sair, hehe.
Angel: Tem algum cosplayer que você admire?
Bruno: Hehe, acho que sempre tem aqueles que a gente ve e se impressiona "nossa... como que ele fez aquilo?", mas não posso dizer que eu encontrei um "herói" no mundo cosplay, ainda. 

Angel: Que tipo de música você gosta de ouvir?
Bruno: Gosto de trilhas sonoras dos jogos que eu jogo. E gosto da maior parte das músicas que tenham violinos. Mas não sou muito ligado em música.

Angel: Você gosta de vídeo-games? Se sim, qual seu favorito (ou favoritos)?
Bruno: Gosto MUITO. Eu sou totalmente fã da série Metal Gear. Nunca fiz cosplay de Snake porque meu físico não permite, hehe, mas um dia eu dou um jeito de fazer. Gosto de jogos que tenham uma história legal. Adoro também toda a série Final Fantasy, especialmente o Final Fantasy VIII e o Final Fantasy X.

Angel: Quais animes que você gosta? E quais você tem assistido atualmente?
Bruno: Animes eu gostei daqueles que eu via quando era mais novo. Dragon Ball Z, Sakura Card Captor, Pokémon, hehe. Gostei também de Full Metal Alchemist, Death Note e Azumanga Daioh. Ultimamente eu só assistí um dorama chamado Hana Yori Dango, que eu achei fantástico, mas não tenho mais parado pra ver qualquer coisa que seja.

Angel: O que a sua família e amigos pensam do seu hobby?
Bruno: Diria que minha irmã enfrentou a parte mais difícil do negócio, que foi começar com a idéia. Depois que minha irmã já fazia cosplay meus pais já estavam totalmente acostumados com a idéia, e até ajudam a fazer. Meus amigos acham legal, até os que não são cosplayers.

Angel: Quais são seus hobbys além do cosplay?
Bruno:
Games, games, games e programação (de games às vezes).

Angel: Para finalizar, deixe uma mensagem para os seus fãs, ou Amigos que adimiram seus cosplays.
Bruno: Cosplay é muito divertido, seja só pra fazer a roupa, seja pra interpretar o personagem. Todo mundo tem um pouco de artista dentro de si, e por isso todo mundo deveria ser cosplayer, hehe! Aos meus amigos eu agradeço toda ajuda que me dão pra cosplays e apresentações.


Anime/Cosplay

Meu primeiro cosplay foi de Auron do Final Fantasy X. Ele é um personagem bem mais velho do que os personagens "normais". Ele é o personagem mais sério da party do jogo. Eu acabei fazendo cosplay dele porque era meu personagem favorito de um jogo que eu gostava muito. Foi o meu cosplay mais barato também, hehe. Não ficou nem perto do que eu queria que ficasse, mas eu gostei de ter usado ele. Como primeira experiência eu acho que valeu a pena.





O segundo foi o Black Mage do primeiro Final Fantasy. Infelizmente esse personagem sequer tem personalidade. Em compensação ele foi muito simples de se fazer, e foi muito divertido de usar. Acho que eu fiz ele mais por saudosismo do que por interpretação ou cosplay. Ah, com ele, também, que eu fiz a minha primeira apresentação.

Depois do Black Mage eu fiz o Squall com uniforme de formatura. A personalidade dele me chamou atenção. Ele é bastante sério, também, mas ao contrário do Auron que tinha muita experiência de vida, o Squall tem muitas dúvidas o tempo todo. Também, minha namorada fez cosplay de Rinoa, e por isso foi muito legal de usar esse cosplay. Com ele que eu venci o primeiro lugar em uma apresentação pela primeira vez.

Então eu fiz, de novo, o Squall, mas dessa vez com a roupa do Dissidia. Desta vez junto com a minha namorada, minha irmã e o Bruno Pazzim, fizemos um grupo de Dissidia.
 
O Kilik foi meu quinto cosplay. Como ele é um personagem de um jogo de luta, a história dele tem bem menos enfase que num jogo de RPG, mas deu de perceber que o Kilik vive para servir e proteger. Foi uma correria pra fazer o cosplay, mas no fim, valeu muito a pena. Até hoje, acho que é o meu cosplay que as pessoas mais gostaram.


E, por fim, meu último cosplay é a prova da evolução no mundo cosplay, hehe. Fiz o Squall, de novo, mas dessa vez do próprio Final Fantasy VIII e não do Dissidia. Apenas alguns detalhes são diferentes na roupa, mas eu fiz questão de refazer tudo para fazer melhor dessa vez. Gostei do resultado.

Um comentário:


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.