terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Resenha#111 O Preço de Uma Lição - Às Vezes Amar Muito Não Basta

Autor: Frederico Devito, Rogério Mendonça
Páginas: 366
Editora: Novo Conceito

Sinopse: Os meninos são, sim, capazes de amar. ”Tem um ditado que diz que o amor é cego. É justamente o contrário. Quando você ama de verdade, é capaz de ver coisas que ninguém consegue. Falam que você não consegue enxergar os defeitos, pura mentira também! Você vê, estão todos lá. Mas vê também algo que só você pode, como lidar com eles e contorná-los. Então, o amor não é cego, ele é a maior lente de aumento que já inventaram.” Como acontece esta coisa chamada amor? Nasce junto com a gente, mas não depende só de nós. A gente sofre e faz sofrer, ama e é amado. E com isso aprende muita coisa. Lições que trazem consequências, problemas e soluções. O preço desse aprendizado transforma o garoto em um homem. Esta narrativa, cheia de incidentes, mostra que – ao contrário do que dizem algumas garotas – os meninos são, sim, capazes de amar. Quais as transformações que o amor pode provocar na gente? O que ele ensina? Qual o seu preço? Acompanhe a jornada de um jovem, transformado pelo amor, à procura dessas respostas.

Minha Opinião: O Livro conta a história de um garoto (sem nome), que acredita que os garotos podem amar e se entregar a um grande amor, e que isso não é vergonha e que amar não faz dele ser menos homem.

Esse Garoto teve alguns relacionamentos, mas nenhum foi concreto e sim relações amorosas que saindo uma pior que a outra. Isso até conhecer Juliana, que é cinco anos mais nova, e com esse relacionamento é que ele percebe que não tinha amado ainda, e com Juliana ele descobre-se amando.

No decorrer da estória ele precisa aprender com seus erros, tentar corrigi-los e lutar pelo que ele realmente acha valioso.

k

[...]"Como é possível a pessoal falar que gosta de ficar comigo, gosta de mim, depois de ouvir as mesmas coisas da minha boca e não ser a hora certa? Para mim, hora certa é a hora em que ambos têm as mesmas vontades. Para que complicar? Mulheres, francamente!"[...] --Pág. 36

Sobre os personagens: O narrador e personagem principal da história, poucas vezes me fez gostar de si, muitas me irritou (tive vontade de sentar uns tapas nele).

Juliana me irrita, não consegui gostar dela, bom na verdade tirando as meninas do quarteto 21 todas as outras são irritantes, o Paulinho é um dos personagens que gostei também.

Os que gostei um pouquinho são os que menos aparecem! Bom por minhas opiniões negativas vocês devem ter percebido que todos os personagens me irritaram, poucos se salvaram!

k
[...]"Alguns dizem que quando acabam as palavras, acontece o beijo. Não é verdade. A verdade é que o beijo acontece porque ele diz coisas que precisam ser ditas, e as palavras não conseguem dizer. Quando percebi, estávamos conversando na língua do beijo." --Pág. 77 [...]"

Sobre a Capa do livro, não acho ela a mais bonita da editora, mas ela é sim bem trabalhado, encaixando perfeitamente a história do livros, as ilustrações combinam e encaixam perfeitamente.

A diagramação é simples, letras medianas, folhas amarelas, é interessante ressaltar que a marcação dos números nas paginas do livro é posta na lateral bem acima quase metade do livro.

As 3 estrelinhas foram por algumas partes do livro serem boas, e terem me chamado atenção e os 6 últimos capítulos, se não fosse esses detalhes o livro receberia 1 estrelinha, mas considerando essas partes e esses capítulos penso que essa avaliação se torna justa com relação ao que eu achei do livro.

Penso que o publico alvo para o livro é mais para meninas, de 15/16 anos, que estão na adolescencia, com suas duvidas, e amores mal resolvidos, agora se você é mais velho com opiniões formadas e sem toda essa confusão e duvidas adolescentes capaz de não gostar do livro como eu!

k

[...]"Claro que nada vem de graça. Quanto mais valiosa a lição, mais alto o preço. Qual o preço de uma lição? Às vezes, se paga o preço mais alto"[...] --Pág 366


2 comentários:

  1. Oi!
    Gostei da resenha. Sei lá, mesmo você não gostando do livro ele me chamou a atenção. Acho que ele vai pra minha lista, mesmo sendo uma pessoa de opinião formada que sabe o que quer, acho que vale a pena lê-lo (ou não)....
    Bjs
    Paty
    Abajur de Papel

    ResponderExcluir
  2. ✔Patricia: Se você gostar de romance melosinho e adolecente de maissss, você pode gostar, não sei isso depende de cada um, mas eu penso que esse livro tem um limite de idade, penso que gostaria dele lá nos meus 12/15 anos, mas agora não consegui gostar dele!

    Beijos // Obrigadinha pelo Comentário! ٩(-̮̮̃•̃)۶

    ResponderExcluir


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.