domingo, 2 de junho de 2013

Resenha: Um gato de rua chamado Bob


A  história da amizade entre um homem e seu gato


Autor: James Bowen
Páginas: 340
Editora: Novo Conceito

Sinopse: Quando James Bowen encontrou um gato ferido, enrolado no corredor de seu alojamento, ele não tinha ideia do quanto sua vida estava prestes a mudar. Bowen vivia nas ruas de Londres, lutando contra a dependência química de heroína, e a última coisa de que ele precisava era de um animal de estimação. No entanto, ele ajudou aquele inteligente gato de rua, a quem batizou de Bob (porque tinha acabado de assistir a Twin Peaks).

Depois de cuidar do gatinho e trazer-lhe a saúde de volta, James Bowen mandou-o embora imaginando que nunca mais o veria. Mas Bob tinha outras ideias. Logo os dois tornaram-se inseparáveis, e suas aventuras divertidas — e, algumas vezes, perigosas — iriam transformar suas vidas e curar, lentamente, as cicatrizes que cada um dos dois trazia de seus passados conturbados. Um Gato de Rua Chamado Bob é uma história comovente e edificante que toca o coração de quem a lê.


Minha Opinião sobre

O Kit lindo do livro de Bob, vem acompanhado de um cachecol lindo. A Novo conceito como sempre cria ótimos kit, que além de ser criativos sempre combinam não só com o livro mas com a estória. Toda a diagramação está bela. As letras são medianas, fonte times, tamanho 12.. Os capítulos são separados, contando no total com 21. Os Capítulos são iniciados sempre com um título diferente acompanhando de uma patinha, há patinhas ainda na enumeração das paginas. A capa está belíssima, tanto a frente com a imagem de Bob como atrás com o contorno de um gatinho. E o que falar do logo da Novo Conceito com esse gatinho fofo brincando, em??? Amei amei!!

Aqui estaremos a par da estória real de James Bowen e seu gatinho laranja.

"Todo mundo precisa de um tempo, todo mundo merece uma segunda chance. Bob e eu agarramos a nossa”

Esse livro é rápido de ler, e não consegui parar enquanto não vi o seu fim. A narrativa é fácil, emocionante e divertida. Um dos motivos do livro ter me deixado comovida, é saber que a estória entre os dois é verdadeira. Não tem como não amar, Bob, ele é apaixonante e cativante.
 
Uma história de amor, cumplicidade, entre um homem e seu gato. Uma história emocionante, que te prende do começo ao fim, tocando você aos pouquinhos, até que se encontre com olhos marejados, e o coração apertado. Mas além dessa história de amor e cumplicidade você encontrara a dificuldade de se livrar das drogas e juntamente as dificuldades, injustiças e perigos que é viver nas ruas, deixando você frustrado, indignado. Não posso esquecer de lembrar, que o livro também nos mostra uma lado de Londres, que não é cheio de belezas e  suspiros, aqui estaremos a par de outra visão.


"Suas palavras me assustaram. Se ele houvesse feito qualquer movimento em direção a Bob, eu o teria atacado. Eu o teria defendido. Como uma mãe defende a um filho. Era a mesma coisa, ele era o meu bebê."

"Era como se ele soubesse o que eu estava sentindo. Algumas vezes enquanto eu cochilava, ele se aproximava de mim e colocava o rosto perto do meu, como se dissesse:" tudo bem ai, companheiro? Estou bem aqui se precisar de mim" 

Mais um livro que devorei, assim que chegou em casa! 

Preciso fazer duas confissões: Primeiro, pedi o livro para resenham, só pelo fato de falar de gatos, amo felinos. E segundo não esperava que ia gostar tanto deste livro. OMG <O>. Me emocionei com a história não só de Bob, mas do seu dono.
 
Vai depender de cada um, mas se vocês gostam de minhas opiniões, é impossível não querer falar a vocês que esta é uma ótima opção de leitura! ... Quero um Bob na minha vida também!

AVALIAÇÃO

2 comentários:

  1. Eu sou apaixonada por felinos, tenho um em casa que é puro amor! E com certeza assim como você mencionou um trecho em que o Bob parecia sentir como o dono estava, eu acredito que eles realmente tenham essa sensibilidade. E donos de gatos acabam criando ou desenvolvendo esse sentimento também. Mal vejo a hora de ter a oportunidade de ler o livro! Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Jessica Rodrigues6 de junho de 2013 03:58

    Gostei da sua resenha, pois você não entrega o que acontece, e nos deixa com vontade de ler. Gosto muito de gatos e só por o livro ser desse assunto eu quero muito ganhar ele.Espero se a sortuda a levar eles

    ResponderExcluir


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.