segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Segunda da Poesia#36


Sonho

Meu sonho é estranho
estou em um castelo
com uma espécie de armadura
o que é isso.

Parece que estão me perseguindo
estou procurando minha amada
onde será que ela está,
estou a sua procura.

Entro em uma sala e lá tem espadas
devo pega-las,pois terei que lutar
não consegui ver o resto dela
só sei que é minha amada
a única coisa que vi era o lindo cabelo negro,
pois ela estava correndo.

Um homem me desafia
ele é bem forte,mas isso não importa
tenho que lutar para encontrar aquela mulher
tenho certeza que é minha amada
ele me derruba,eu levanto e o mato.

sigo por uma porta secreta,
vou por um corredor muito longo
lá esta minha amada de cabelos negros
ainda não consigo ver seu rosto.

Acordo assustado e me pergunto
onde esta minha amada,não  consegui ver seu rosto.
mas quando encontrá-la saberei quem é
fico pensando quem será aquela pessoa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.