sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Crítica sobre: A Música do Silêncio {Livro}

"A engrenagem precisaria de observação. Dava quase a impressão de que seria apropriada para ele – mas isso podia esperar. A chave necessitava de cuidados urgentes. Era, com certeza, a mais inquieta do grupo. O que não trazia a menor surpresa. As chaves estavam longe de ser conhecidas por sua complacência, e aquela praticamente implorava por uma fechadura. Auri a apanhou e a rolou nas mãos. Uma chave de porta. E não era nada tímida quanto a isso."


Patrick Rothfuss nasceu em Madison, Wisconsin e converteu-se em um assíduo leitor em parte devido ao mau tempo e à carência de televisão a cabo. Se matriculou na Universidade de Wisconsi-Stevens Point em 1991. Durante esta época dedicou-se a trabalhar em diversos e estranhos trabalhos e ao mesmo tempo dedicou-se a trabalhar em uma novela de fantasia extremamente longo chamada The Song of Flame and Thunder. Também começou a escrever o "Guia de Sobrevivência na Universidade" em uma coluna de The Pointer, o jornal do campus. Se graduou ano de 1999. Depois de completar The Song of Flame and Thunder Rothfuss enviou a várias editoriais, mas foi recusada. No ano 2002 ganhou a competição Escritores do futuro com The Road to Levinshir,assim Rothfuss vendeu a novela a DAW Books.

A capa do livro é encantadora, adoro o trabalho dela. A Arqueiro têm caprichado na escolha das capas para cada livro publicado de Rothfuus, e espero que ela continue caprichando. O livro, é bem curtindo contendo apenas 135 páginas.Não há numeração nos capítulos, mas eles contam com doze ao total. Cada capitulo tem seu titulo, e traz em sempre uma ilustração, a cada novo.
O livro também, têm seu sumário, prefácio do autor, e uma nota maravilhosa, de final do autor. As folhas são pólen (amarelinhas), a fonte é times tamanho doze. No todo além do belo trabalho de capa, a editora caprichou muito na diagramação interna e no trabalho de revisão de texto.
Assim que recebi o livro, comecei a lê-lo e o devorei, muito rápido. Minha ânsia para ler algo do Patrick era tão grande que mal percebi quando cheguei nas últimas páginas.

A história é narrada em terceira pessoa, pela Auri. Ela decorre em sete, dias, em que Auri, se prepara para a visita do nosso ruivo amado. (Acho que isso não é spoiler, mas se for SORRY)
Auri vive no subterrâneo, abaixo da universidade dos alquimistas. Pra quem não lembra é lá que Kvothe, estuda/estudou. O subterrâneo, é um lugar do qual fiquei muito curiosa, quando estava a ler "As Crônicas do Matador do Rei", e então fomos apresentados a auri, e a esse mistério que é o subterrâneo.
Aqui em "A Música do Silêncio", o autor nos da dica sobre ele, mas ainda não o suficiente para suprir a minha curiosidade. Eu preciso de um pouco, mais ou pra mata-la ou para estar mais um pouco envolta a este mundo maravilhoso e encantador que Rothfuus criou.

"Então. Se você leu este livro e não gostou, me desculpe. A culpa é minha. Esta é uma história estranha. Talvez você a aprecie melhor numa segunda leitura. (Quase todos os meus livros são melhores da segunda vez.) Mas também pode ser que não. Se você é uma das pessoas que acharam esta história desconcertante, tediosa ou confusa, peço desculpas. A verdade é que provavelmente ela não era para você."

Desculpe Patrick, mas é difícil um pessoa não se encantar com sua narrativa. Essa era a resposta que eu gostaria de falar ao autor, assim que li seu prefácio no livro. "A música do silêncio", têm sua singularidade, e entendo o porque do autor afirmar, não ser um livro pra todos, mas como eu amo tanto a narrativa desse homem não entendo como pode não conseguir alcançar a todos. (Bom acho que estou sendo birrenta, mas fazer o que. não!)

Eu amei a história da Auri. O livro é maravilhoso, fico suspeita de falar, pois eu amo a narrativa do Patrick. A música do silêncio só me deixou com mais saudade ainda do Kvothe. Espero que esse homem de Deus escreva logo o terceiro livro, das crônicas do matador do rei, e ao mesmo tempo não quero porque quanto mais ele demora mais fico a pensar o quanto esse livro vai ser bom. E arqueiro assim que o barbudo lançá-lo não nos deixe mais na espera.

P.s: A imagem do Kvothe e da Auri, foi encontrada no google, caso você seja o artista que a fez entre em contato para que eu possa por os créditos a imagem.
Abaixo, deixei alguns quotes do livro. Bom vocês devem ter percebido que separei bastante deles. Tentei colocar menos, mas foi difícil.


Qual minha nota para o livro:


Título: A Música do silêncio
Autor: Patrick Rothfuus
Páginas: 144
Editora: Arqueiro

Sinopse: A Música do Silêncio - Debaixo da Universidade, bem lá no fundo, há um lugar escuro. Poucas pessoas sabem de sua existência, uma rede descontínua de antigas passagens e cômodos abandonados. Ali, bem no meio desse local esquecido, situado no coração dos Subterrâneos, vive uma jovem. Seu nome é Auri, e ela é cheia de mistérios.
A música do silêncio é um recorte breve e agridoce de sua vida, uma pequena aventura só dela. Ao mesmo tempo alegre e inquietante, esta história nos oferece a oportunidade de enxergar o mundo pelos olhos de Auri. E nos dá a chance de conhecer algumas coisas que só ela sabe...
Neste livro, Patrick Rothfuss nos leva ao mundo de uma das personagens mais enigmáticas da série As Crônicas do Matador do Rei. Repleto de segredos e mistérios, A música do silêncio é uma narrativa sobre uma jovem ferida em um mundo devastado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.