segunda-feira, 21 de março de 2016

Crítica sobre: Real, Louco, Mortal {Livro}

"Os olhos dele estavam fechados, os lábios entreabertos, as mãos delicadamente cruzadas sobre o peito. Sawyer não conseguia deixar de pensar, em algum lugar sombrio, bem no fundo, que pelo menos agora, ele não poderia mais machucá-la." (pág. 8)

"Vai se divorciar? Deixe seus filhos no terapeuta. O namorado da filha morreu? Terapeuta. Notas caindo, menina desorientada, matando aula? Terapeuta, terapeuta, terapeuta". (p. 45)



Mais um dos livros que li e demorei para vir aqui registrar minha opinião. Tardou mas não falhou e estou aqui colocando nessas poucas palavras como foi a leitura de 'Real, Louco, Mortal'.

REAL, LOUCO, MORTAL e escrito por Hannah Jane e publicado aqui no Brasil pela Editora Nacional em 2014 (viram como estou atrasada com essa opinião). ENFIM Tomei por surpresa quando o recebi e como sou apaixonada por designer de capas o livro com isso já chamou minha atenção, os outros pontos iniciais que me levaram a ler ele assim que chegou, foi esse título curioso e instigante, além do conjunto capa + sinopse.

A história é narrada em terceira pessoa e gira em volto da aluna, atleta exemplar Sawyer Dood, a típica garota popular que todos desejam ter, aquela admirada e invejada por outros seja por sua beleza, por sua inteligencia ou ainda por conseguir namorar o garoto mais popular da escola. Porém as impressões dizem uma coisa e realidade outra Kevin seu namorado não era nada de perfeito pelo contrario ele possui um comportamento doentio em relação a Sawyer chegando a agredi-la, e Sawyer por vergonha e medo esconde as agressões de todos. Porém tudo muda após a morte de Kevin e de Sawyer encontrar um bilhete na escola com o recado "De Nada", nesse momento ela percebe que não foi acidente e que além havia o matado para o sem bem, mas que bem isso traria além de que agora todas as suspeitas começam a girar em volta de si.

Não sei vocês, mas no decorrer do texto descoifei de todo mundo, não tem como não pensar que foi esse ou aquele. Você começa a criar uma lista dos mais suspeitos e nessa lista que criei os que me deixaram mais intrigada no decorrer da história foram: Logan Haas, Maggie Gaines, Cooper Grey, Professor Hanson.

A narrativa é muito boa, rápida fluida e com um a trama que te prende do começo ao fim. Um ponto que me agradou bastante na narrativa da autora é como ela alterna o presente e o passado.

Para além dos detalhes gráficos que me impulsionaram a ler preciso dizer que a autora me conquistou com a sua narrativa, gostei muito de como ela levou a trama, como amarrou os pontos. Hannah me deixou curiosa para ler mais de sua escrita.

Por fim para quem gosta de suspense acredito que Real Louco Mortal vá te conquistar como me conquistou!

Qual minha nota para o livro:


Título: Real, Louco, Mortal
Autor: Hannah Jayne
Editora: Companhia Nacional

Sinopse: Real, Louco, Mortal - Sawyer Dodd sempre desperta inveja por onde passa: é uma excelente aluna, uma atleta dedicada e é a namorada de Kevin Anderson, o sonho de consumo de qualquer garota! Mas, quando Kevin morre num trágico acidente de carro, e ela encontra em seu armário um enigmático bilhete que contém apenas a inscrição "De nada", Sawyer vê seu mundo virar de cabeça para baixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.